Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bovespa opera em alta, impulsionada por NY e bancos

SÃO PAULO - A abertura positiva em Wall Street deu novo incentivo para as operações na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), que teve a trajetória de alta foi reforçada.

Redação com agências |

 

O Ibovespa registrava alta de 6,02% por volta de 16h05, operando aos 40.551 pontos. A última vez que o índice fechou acima dos 40 mil pontos foi no dia 14 de outubro.

A fusão Itaú-Unibanco, anunciada ontem, ainda impulsiona a alta da Bovespa, com as ações dos dois bancos subindo mais de 7%. Petrobras e Vale também acumulavam altas expressivas no horário. Ontem, o indicador encerrou com acréscimo de 2,66%, aos 38.249 pontos.

Na Ásia, a maioria das Bolsas fechou no positivo e, na Europa, as ações seguiam se valorizando perto do fechamento.

Dólar

Por aqui, o dólar comercial era negociado em queda de 2,91%, cotado a R$ 2,105, no mesmo horário. O dólar sustenta desvalorização perante o real, também em nível ligeiramente maior após a oferta de swap cambial do Banco Central (BC). O Banco Central (BC) colocou parcialmente os contratos de swap cambial oferecidos em leilão nesta tarde.

Na agenda doméstica, a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) divulgou o Índice de Preços ao Consumidor (IPC) referente a outubro, que subiu 0,50%. A previsão era de alta de 0,52%. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) também apresenta a pesquisa industrial referente ao mês de setembro.

Por aqui, o mercado pode continuar a repercutir o movimento do setor bancário após fusão entre Itaú e Unibanco, com operações que devem refletir também expectativas em relação a novas consolidações do setor.

Ao longo do dia, o único indicador americano agendado é o de encomendas à indústria referente ao mês de setembro. Com índices mais recentes de atividade já divulgados, o número deve ter pouco efeito para as transações de hoje.

(Com informações do Valor Online e Agência Estado)

Leia também

 

Para saber mais

 

Serviço 

 

Opinião

Leia tudo sobre: bovespadolar

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG