Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bovespa deve começar semana em alta

SÃO PAULO - A semana deve começar de forma positiva na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa). A sinalização é dada pelo Ibovespa futuro, que registra alta na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BM & F).

Valor Online |

Há pouco, o índice com vencimento em fevereiro ganhava 1,04%, para 38.700 pontos.

A indicação está alinhada com o comportamento de outras praças de negociação. O dia também tem contorno positivo nos EUA onde os agentes aguardam resultados de gigantes como Caterpillar e McDonald´s. A agenda ainda reserva o índice de indicadores antecedentes e a venda de casas usadas. Números muito diferentes do esperado podem azedar o humor do investidor.

Na Europa, o dia também é positivo, com destaque para os bancos, depois que o britânico Barclays anunciou que não precisará levantar mais capital. No setor de seguros o foco está na ING. O governo holandês absorveu 80% das perdas da companhia no portfólio de hipotecas " Alt-A " que somava 27,7 bilhões de euros. Já o BNP Paribas estimou perda de 1,4 bilhão para o quarto trimestre do ano.

No setor farmacêutico, a Pfizer chegou a um acordo para comprar a Wyeth por US$ 68 bilhões em dinheiro e ações.

No mercado de commodities, o ouro continua operando em máximas não observadas desde outubro, acima de US$ 900 a onça, em sinal claro de aversão ao risco, e o petróleo tem leve baixa, mas segue na casa dos US$ 46 o barril de WTI.

No câmbio, o dólar recupera parte das perdas da semana passada sobre o iene, mas por aqui a divisa recua ante o real. Há pouco, o dólar comercial valia R$ 2,307 na venda, queda de 1,45%.

Na sexta-feira, o pregão foi bastante instável, com os investidores refletindo o mau humor externo depois de resultados pouco animadores da General Electric (GE) e Xerox. Mas no decorrer do dia as compras ganharam força e o Ibovespa garantiu alta de 0,63%, para 38.132 pontos, com giro financeiro em R$ 3,23 bilhões.

Em Wall Street, o Dow Jones ensaiou recuperação, mas fechou com perda 0,56%. Já a bolsa eletrônica Nasdaq garantiu valorização de 0,81%.

Na Ásia, a semana começou de forma negativa. Tóquio recuou 0,81%, fechando aos 7.682 pontos, menor patamar em quase três. Muitos mercados da região, como Seul, Xangai e Hong Kong não operaram em função do feriado do Ano Novo Lunar.

(Eduardo Campos | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG