Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bovespa aponta alta de 1,01%; Ação PNB da Aracruz segue em baixa

SÃO PAULO - A quarta-feira começa de forma positiva na Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa), que tenta recuperar parte das perdas dos últimos dois pregões. Por volta das 11h30, o Ibovespa apontava valorização de 1,01%, aos 37.

Valor Online |

648 pontos, com giro financeiro em R$ 179 milhões.

As compras por aqui refletem a sinalização de Wall Street, onde os negócios ainda não começaram, mas os índices futuros operam em alta. A valorização no preço do petróleo também contribui para o humor do investidor.

Tal melhora de cenário também influi na formação de preço do dólar, com os agentes saindo da defensiva e se desfazendo da divisa norte-americana. Há pouco, o dólar comercial era negociado a R$ 2,368 na venda, queda de 0,16%. A moeda também perde valor em comparação com o euro.

Logo mais, o Banco Central realiza leilão, o terceiro, visando a rolagem dos swaps cambiais que vencem em fevereiro. As duas operações já realizadas movimentaram mais de 100 mil contratos e US$ 4,9 bilhões.

Na Europa, a situação é diferente com os bancos registrando perdas acentuadas em meio aos rumores de nacionalização do Barclays, que viu suas ações caírem mais de 30% na Bolsa de Londres. Esse pessimismo com o setor segura o índice FTSE-100 em baixa de 1,64%. Ainda na região, o índice Xetra-DAX, de Frankfurt perdia 0,50%.

De volta à Bovespa, os carros-chefe puxam os ganhos, com o papel PN da Petrobras apontando alta de 1,73%, para R$ 23,46, Vale PNA ganhava 0,98%, a R$ 25,55, e BM & FBovespa ON valorizava 1,55%, a R$ 5,89.

Aracruz PNB estende as perdas de ontem, recuando 4,25%, para R$ 2,25%. Na terça-feira, a VCP fechou a compra de 28,03% das ações da companhia, por R$ 2,71 bilhões. O negócios também envolve o BNDESPar, migração da Aracruz para o Novo Mercado e transformação da companhia em subsidiária da VCP.

Já o papel ON da Aracruz, que dobrou de preço ontem, subia 10,72%, a R$ 12,90. Enquanto o ativo PN da VCP recuava 3,66%, a R$ 15,00.

Entre os bancos, a ação ON do Banco do Brasil avançava 2,52%, a R$ 13,79. Bradesco PN valorizava 1,74%, a R$ 20,45, e Itaú PN subia 1,36%, a R$ 22,95.

(Eduardo Campos | Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG