Tamanho do texto

A empresa canadense Bombardier lançou hoje sua nova linha de aeronaves para competir com os jatos Boeing 737 e o Airbus A320. A aeronave C-series poderá transportar entre 110 e 145 passageiros.

O maior avião da Bombardier atualmente, o CRJ-900, tem capacidade máxima de 88 assentos. O lançamento na feira do setor aéreo de Farnborough, no sul da Inglaterra, marca a entrada da companhia canadense em um mercado fundamental para a Airbus e a Boeing. A empresa aérea alemã Lufthansa encomendou 30 aviões e tem a opção de comprar outros 30.

A Bombardier afirmou que a aeronave vai entrar em serviço em 2013 e cada uma custará US$ 46,7 milhões. As companhias aéreas, particularmente no lançamento de um novo avião, costumam negociar descontos sobre os preços de catálogo. A empresa canadense informou que a montagem final será feita em Mirabel, perto de Montreal (Canadá), com as asas sendo fabricadas em Belfast, na Irlanda do Norte.

A decisão vai criar inicialmente mil empregos no Canadá, aumentando para 3,5 mil no pico de produção, e 800 em Belfast, de acordo com Gary Scott, presidente da Bombardier para aeronaves comerciais. Scott afirmou que a Bombardier espera obter 50% do mercado de aviões de 100 a 150 assentos. A companhia estima que o mercado total nos próximos 20 anos seja de 6,3 mil aviões.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.