Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas mantêm queda após Livro Bege sem surpresas

Os mercados financeiros não reagiram à divulgação do mais recente Livro Bege, documento do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA), que basicamente apontou que a atividade econômica se manteve fraca até o início de janeiro, sem apresentar qualquer sinal de mudança. A descrição de uma fraca economia pelo Livro Bege não foi uma surpresa para os mercados, com os principais índices de ações se mantendo em baixa.

Agência Estado |

Entre os destaques, o relatório - um sumário das condições econômicas atuais que servirá de base para o próximo encontro de política monetária do Fed nos dias 27 e 28 de janeiro - sugeriu que os 500 mil empregos perdidos nos EUA em cada um dos dois últimos meses podem ter sido ainda piores. De acordo com o Fed, o distrito de "Nova York observou que um número substancial de cortes de empregos no setor financeiro ainda não foi mostrado nos dados do relatório do mercado de trabalho". De fato, as firmas financeiras responderam por apenas 14 mil vagas do último dado de queda de 524 mil vagas.

Às 17h28 (de Brasília), o índice Dow Jones caía 236 pontos, ou 2,82%, o Nasdaq recuava 49 pontos, ou 3,17%, e o S&P-500 registrava uma queda de 27 pontos, ou 3,21%. No Brasil, o Ibovespa recuava 2,87%, aos 38.410 pontos, por volta do mesmo horário. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG