LONDRES - As bolsas de valores da Europa terminaram em alta pela quinta sessão consecutiva nesta segunda-feira, impulsionadas pelo setor bancário após notícias de que o Barclays está avaliando a venda de uma unidade e que está com fortes atividades. O índice FTSEurofirst 300, referência das principais ações europeias, disparou 2,42%, para 719 pontos. O indicador ainda acumula perdas de 13,7% no ano.

"O mercado está subindo, já que as pessoas estão começando a pensar sobre uma recuperação econômica e uma recuperação nos lucros", disse Darren Winder, estrategista da Cazenove.

"Mas há um nervosismo sobre se isso pode durar. Acho que esta é uma forte alta, mas o fluxo de notícias macroeconômicas e corporativas ainda está um pouco pobre... Nós provavelmente teremos alguma realização de lucros no curto prazo."

Os bancos foram o setor mais firme. Barclays avançou 22,6% após ter confirmado que está discutindo a venda da unidade iShares. O banco britânico também informou que no ano, até agora, apresentou forte desempenho.

HSBC, BNP Paribas, Société Générale e Banco Santander registraram valorização entre 4,1% e 9,3%.

Os bancos também foram sustentados por comentários do chairman do Federal Reserve, Ben Bernanke, em uma entrevista transmitida no domingo. Ele afirmou que uma recuperação deve começar em 2010, ainda que os riscos continuem.

Em Londres, o índice Financial Times fechou em alta de 2,94%, a 3.863 pontos.

Em Frankfurt, o índice DAX ganhou 2,3%, para 4.044 pontos.

Em Paris, o índice CAC-40 subiu 3,18%, para 2.791 pontos.

Em Milão, o índice Mibtel encerrou em alta de 2,3%, a 11.629 pontos.

Em Madri, o índice Ibex-35 registrou valorização de 2,82%, para 7.636 pontos.

Em Lisboa, o índice PSI20 avançou 0,52%, a 6.060 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.