SÃO PAULO - As bolsas europeias seguem para seu sétimo dia consecutivo de alta, impulsionadas pela melhora no cenário espanhol e pelos desdobramentos do caso envolvendo a petrolífera britânica BP. Em Londres, o índice FTSE 100 subia 0,83% para 5.281,15 pontos, enquanto na bolsa de Frankfurt, o índice DAX registrava alta de 0,67%, para 6.

232,50 pontos. Em Paris, o CAC-40 valorizava-se 0,86%, aos 3.707,70 pontos. A bolsa de Madri apresentava a alta mais expressiva, com o Ibex-35 subindo 1,29%, para 9.808,30 pontos. O fôlego do mercado espanhol é sustentado principalmente pelas ações dos bancos, com os papéis do Santander subindo mais de 2% depois que um leilão de títulos da Espanha dissipou as preocupações dos investidores com a crise na zona do euro. O governo espanhol, segundo analistas, foi bem sucedido na captação de 3,5 bilhões de euros por meio de títulos de dívida de longo prazo. Havia dúvidas quanto ao sucesso da operação, já que ontem o prêmio de risco dos bônus espanhóis atingiu o maior nível em relação aos títulos da Alemanha desde a criação do euro. A melhora no humor do mercado também é reflexo da decisão do banco central da Espanha de tornar públicos os testes de estresse em bancos no país, permitindo ao mercado avaliar a solidez do sistema financeiro nacional. A medida foi anunciada nesta quarta-feira, após ganharem força os rumores de que a união Europeia e o Fundo Monetário Internacional (FMI) iriam liberar recursos do fundo de 750 bilhões de euros criado para socorrer países da zona do euro em dificuldades. Além disso, as ações da britânica BP dispararam mais de 7% nesta sessão, em resposta à decisão da companhia de criar um fundo de US$ 20 bilhões para indenizar as vítimas do vazamento de petróleo no Golfo do México. A companhia anunciou também que vai suspender o pagamento de dividendos em 2010 e vender ativos, reduzindo assim as incertezas do mercado quanto ao tamanho do fundo para reparar os prejuízos decorrentes do pior acidente ecológico da história dos Estados Unidos. (Francine De Lorenzo | Valor, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.