Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas européias fecham em queda, pressionadas por setor de mineração

SÃO PAULO - As bolsas européias fecharam o pregão desta terça-feira com nova desvalorização, desta vez influenciadas negativamente pela baixa dos preços de commodities, que derrubaram as ações de mineradoras e petroleiras na região.

Valor Online |

A perspectiva de desaceleração da economia e da demanda por matérias primas justificaram o movimento. O setor bancário compensou um pouco as perdas, pois os papéis desse setor continuaram em processo de recuperação.

O FTSE-100, de Londres, fechou em baixa de 0,56%, aos 5.415 pontos. O DAX, de Frankfurt, encerrou com 6.233 pontos, após recuo de 0,48%. O CAC 40, de Paris, apontou desvalorização de 1,08%, para 4.293 pontos.

Entre os destaques, as ações da ArcelorMittal caíram 5,32% em Paris e os papéis da Xstrata declinaram 8,03% em Londres, onde as ações da Anglo American caíram 5,97% e as da Rio Tinto cederam 5%. No mercado futuro, os preços de cobre e ouro apontavam baixa. No setor petrolífero, os papéis da francesa Total caíram 2,35% e as da BP declinaram 1,89%
Já no setor financeiro, algumas ações conseguiram se recuperar. Foi o caso dos papéis do Barclays, que fecharam em alta e 3,03%. As ações do Deutsche Bank, que haviam caído muito na semana passada, terminaram este pregão com alta de 2,60%, ainda refletindo a operação de salvamento das financeiras Fannie Mae e Freddie Mac pelo governo norte-americano.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG