Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas européias fecham em baixa, afetadas por petróleo e bancos

SÃO PAULO - A queda do preço do petróleo voltou a afetar as ações de petrolíferas européias, puxando para baixo as bolsas da região. O setor bancário também fechou o último pregão da semana em território negativo após a Standard & Poor´s alterar notas e perspectivas de grandes instituições americanas e européias.

Valor Online |

O FTSE-100, de Londres, fechou em queda de 0,86%, aos 4.293 pontos. Em Frankfurt, o Dax fechou aos 4.696 pontos, com recuo de 1,26%. O CAC 40, de Paris, declinou 0,26%, para 3.225 pontos.

As ações da francesa Total cederam 1,71% em Paris e as da BP perderam 3,72% na bolsa londrina. Com barril de óleo cru sendo cotado abaixo de US$ 40, a perspectiva de ganhos das petrolíferas continua em declínio também.

No setor bancário, as ações do Royal Bank of Scotland (RBS) caíram 6,67% e as do BNP Paribas cederam 7,97% após a Merrill Lynch reduzir a indicação para as ações do banco francês de "compra" para "neutra".

A Standard & Poor´s reduziu as notas de risco do banco UBS e do RBS de AA- para A+, alegando complexas condições para as instituições financeiras em meio ao aprofundamento da desaceleração econômica.

No setor de mineração, as ações da Anglo American recuaram 9,6% e as da Xstrata perderam 9,2% após o UBS reduzir a indicação para esses papéis de "compra" para "neutra". As ações da Antofagasta também sofreram igual rebaixamento e fecharam com perda de 8,3%
(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG