Tamanho do texto

SÃO PAULO - Resultados corporativos aquém do esperado pelo mercado devolveram o mau-humor aos pregões em Wall Street. Os principais indicadores acionários tiveram forte queda, provocada pela desvalorização de ações de empresas que informaram ganhos ou previsões abaixo do previsto pelos analistas.

O Dow Jones diminuiu 2,5%, aos 9.033,66 pontos. O Nasdaq fechou com baixa de 4,1%, em 1.696,68 pontos. O S & P 500 teve decréscimo de 3,1%, somando 955,05 pontos.

O recuo do Nasdaq Composite, mais acentuado que o dos outros índices, foi diretamente influenciado pela queda de 6,3% nas ações da Texas Instruments e de 17% nas da Sun Microsystems. A primeira viu o lucro cair 27% no terceiro trimestre, para US$ 563 milhões, e fez projeções fracas para o resultado do quarto trimestre. A segunda anunciou que pode depreciar o valor contábil de ativos intangíveis e que deverá fechar o trimestre com prejuízo líquido de US$ 0,25 a US$ 0,35 por ação.

A indústria química DuPont teve lucro 30% menor no terceiro trimestre, de US$ 367 milhões, devido à demanda mais fraca nos Estados Unidos e Europa. Seus papéis declinaram 8%.

As ações da Caterpillar cederam 5%. O lucro trimestral da fabricante de tratores e equipamentos para construção diminuiu 6%, para US$ 868 milhões, pressionado pelo aumento de custos de matérias-primas.

No setor financeiro, o destaque negativo coube ao Citigroup, cujos papéis perderam 6%. Relatório do Goldman Sachs mostrou que o Citi pode não ter lucro até o fim do ano que vem por causa da crise no ambiente de crédito.

Na Europa, as bolsas encerraram a sessão sem direção comum. Os agentes dirigiram suas atenções para balanços e projeções financeiras das empresas e mostraram suas preocupações com a perda de dinamismo econômico e o impacto disso nos números corporativos.

Em Londres, o FTSE-100 perdeu 1,24%, somando 4.229,73 pontos. O CAC-40, de Paris, aumentou 0,78%, aos 3.475,40 pontos. Em Frankfurt, o DAX apresentou queda de 1,05%, para 4.784,41 pontos.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.