SÃO PAULO - Grande parte dos mercados europeus estende as perdas verificadas ontem. Novamente, o setor financeiro inquieta os participantes nessas praças, especialmente após o banco de investimentos americano Merrill Lynch avisar que assumirá nova baixa contábil no terceiro trimestre e pretende captar US$ 8,5 bilhões com a emissão de novas ações. Os agentes também dirigem suas atenções para balanços.

Minutos atrás, o londrino FTSE-100 aumentava 0,43%, aos 5.335,70 pontos. O CAC-40, de Paris, contudo, declinava 1,07%, ficando em 4.278,31 pontos. Em Frankfurt, o DAX somava 6.313,13 pontos, recuo de 0,60%.

Caíam os papéis do Barclays, Royal Bank of Scotland (RBS), Renault, Société Générale, Commerzbank, Deutsche Bank, Crédit Agricole e BNP Paribas.

Em sentido contrário, tinham valorização as ações da British Airways, SAP, ThyssenKrupp, Anglo American, ArcelorMittal, Total e Alcatel-Lucent.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.