Tamanho do texto

SÃO PAULO - O acordo alcançado para ajudar a Grécia com mais de 100 bilhões de euros e o movimento das ações de mineradoras e bancos tiveram impacto nos negócios desta segunda-feira nas principais bolsas da Europa. Os agentes seguiram cautelosos mesmo depois de líderes europeus e o Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovarem ontem os recursos para os gregos nos próximos três anos. Para alguns analistas, não há dúvidas da importância do pacote de socorro, mas ele não deve resolver o problema da dívida da Grécia no longo prazo. Hoje, o governo da Alemanha aprovou sua contribuição ao plano de ajuda aos gregos, de 22,4 bilhões de euros para um período de três anos. Agora, o Parlamento do país deve dar o sinal verde à proposta.

SÃO PAULO - O acordo alcançado para ajudar a Grécia com mais de 100 bilhões de euros e o movimento das ações de mineradoras e bancos tiveram impacto nos negócios desta segunda-feira nas principais bolsas da Europa. Os agentes seguiram cautelosos mesmo depois de líderes europeus e o Fundo Monetário Internacional (FMI) aprovarem ontem os recursos para os gregos nos próximos três anos. Para alguns analistas, não há dúvidas da importância do pacote de socorro, mas ele não deve resolver o problema da dívida da Grécia no longo prazo. Hoje, o governo da Alemanha aprovou sua contribuição ao plano de ajuda aos gregos, de 22,4 bilhões de euros para um período de três anos. Agora, o Parlamento do país deve dar o sinal verde à proposta. Em Paris, o CAC-40 subiu 0,30%, somando 3.828,46 pontos. Em Frankfurt, o DAX teve elevação de 0,51%, aos 6.166,96 pontos. A praça de Londres não operou devido a feriado. (Juliana Cardoso | Valor, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.