Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas de NY voltam a fechar em baixa diante de preocupação com gigantes hipotecárias

SÃO PAULO - A preocupação com o futuro das gigantes do setor hipotecário Fannie Mae e Freddie Mac voltou a ditar o rumo dos negócios em Wall Street nesta sexta-feira. A nota divulgada de manhã pelo secretário do Tesouro dos EUA, Henry Paulson, descartando uma operação de salvamento das duas empresas imediatamente contribuiu para levar o Dow Jones para o nível mais baixo em dois anos ao longo do dia. No fim da tarde, no entanto, notícias dando conta de que o presidente do Federal Reserve (Fed), banco central norte-americano, Ben Bernanke, havia dito que as duas companhias podem usar a linha de redesconto Fed em caso de necessidade liquidez acalmou ligeiramente os ânimos.

Valor Online |

O índice Dow Jones fechou em baixa de 1,14%, para 11.100,54 pontos. O Standard & Poor`s 500 caiu 1,11%, para 1.239,49 pontos, e o Nasdaq Composite recuou 0,83%, fechando em 2.239,08 pontos.

Na semana, o Dow caiu 1,6%, o S & P perdeu 1,8% e o Nasdaq cedeu 0,3%.

As ações da Fannie Mae fecharam em baixa de 23,48% e as da Freddie Mac caíram 3,12% nesta sexta-feira, mas chegaram a apresentar desvalorização mais acentuada durante os negócios, após Paulson ter dito que o foco principal do governo atualmente é dar apoio à forma atual de operação das duas empresas.

O mercado esperava alguma notícia de salvamento das duas gigantes, que foram criadas pelo governo no passado e que hoje ainda contam com patrocínio oficial como refinanciadoras de hipotecas residenciais.

Existe no mercado a percepção de que as duas empresas precisarão captar bilhões de dólares para manter seus índices de solvência de acordo com o mínimo obrigatório e há dúvidas se haverá investidores dispostos a financiar as companhia em uma condição adequada.

Diante dessas notícias negativas para o setor financeiro, as ações de empresas do setor financeiro como Merrill Lynch e JP Morgan caíram 3,83% e 3,91%, respectivamente. Essas empresas devem divulgar o resultado do segundo trimestre na próxima semana.

(Valor Online)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG