Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas de NY viram e sobem; dólar vira e cai

As Bolsas de Nova York inverteram o sinal de baixa apresentado na abertura dos negócios hoje e passaram a operar em alta, após novo pronunciamento do presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama - o terceiro em três dias. No Brasil, a Bolsa de Valores de São Paulo (Bovespa) mantém o sinal positivo, apresentado antes do início dos negócios em Wall Street.

Agência Estado |

O mercado doméstico de ações, porém, iniciou o dia em baixa.

Às 14h58 (de Brasília), o índice Dow Jones subia 0,59%, o Nasdaq 100 avançava 2,47% e o S&P 500 tinha alta de 0,75%. No mesmo horário, o índice Bovespa subia 3,66%, a 36.056 pontos, após avançar 3,83%, a 36.147 pontos, na máxima. Na mínima, o indicador cedeu 1,42% a 34.319 pontos. O volume financeiro negociado na Bovespa é de R$ 2,23 bilhões, até o momento.

Em seu terceiro pronunciamento consecutivo esta semana, Obama anunciou que o ex-presidente do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA) Paul Volcker irá chefiar o novo Conselho Consultivo para Recuperação Econômica, encarregado de ajudar o país a sair da recessão e de estabilizar os mercados financeiros. "Ele é direto e contundente", disse Obama a respeito de Volcker.

Dólar

O dólar inverteu o sinal de alta em relação ao real, apresentado na abertura dos negócios hoje, e passou a ser negociado em queda, abaixo de R$ 2,31.

Por volta das 14h40 (de Brasília), o dólar comercial caía 0,90%, a R$ 2,304, na taxa mínima do dia até o momento. No mesmo horário, na Bolsa de Mercadorias & Futuros (BM&F), o dólar à vista cedia 0,73% a R$ 2,308, também na mínima.

O Banco Central vendeu 15,6 mil contratos de swap cambial tradicional em leilão realizado no início da tarde de hoje para a rolagem dos contratos desse mesmo tipo que vencem em 1º de dezembro de 2008. Segundo o BC, a colocação dos contratos envolveu quatro vencimentos e equivale a US$ 755,4 milhões.

Em outra operação, o BC informou que vendeu 5.190 contratos de swap cambial com vencimento em 2 de fevereiro de 2009 ofertados em leilão hoje. Foram ofertados 6 mil contratos com esse vencimento. Os contratos de swap vendidos equivalem, em volume financeiro, a US$ 257,9 milhões.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG