Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas de NY caem mais de 3%

Os principais índices do mercado de ações americano acentuaram as perdas esta tarde, com uma queda de mais de 3%, na medida que os investidores colocam a política de lado e se preocupam com o fato de que o presidente eleito dos Estados Unidos, Barack Obama, irá herdar uma economia em péssimo estado. O potencial de uma profunda recessão e a pior crise financeira global desde a Grande Depressão (de 1930) darão a Obama pouco tempo para aproveitar sua histórica vitória.

Agência Estado |

 

Alguns analistas já alertaram que a atual desaceleração econômica pode ser a mais severa no período pós-Segunda Guerra Mundial (pós 1945).

Entre os indicadores econômico do dia, o emprego no setor privado caiu em 157 mil vagas em outubro, de acordo com a pesquisa da ADP/Macroeconomic Advisers. Uma porta-voz da Macroeconomic Advisors disse que a leitura de outubro era a pior desde 2002, enquanto um porta-voz da ADP disse que podem ocorrer perdas mensais de 200 mil vagas.

Além disso, a atividade no setor de serviços - que representa o grosso da economia dos EUA - caiu para o nível mais baixo desde julho de 2003.

Como reflexo no âmbito corporativo, diversas empresas, como o banco de investimento Goldman Sachs, a farmacêutica Merck, a fabricante de bebidas Coca-Cola e o site de buscas Yahoo!, já alertaram que estão reduzindo o número de funcionários. Isso somente nas últimas semanas.
Entre as ações de primeira linha (blue chips), destaque para a queda das ações da Boeing (-7,31%) e do Citigroup (-8,58%). As ações da Time Warner, que anunciou uma queda de 1,7% no lucro no terceiro trimestre deste ano, subiam 3,79%. No setor de tecnologia, o Google anunciou que estava desistindo de um acordo envolvendo anúncios com o Yahoo!, citando resistência dos órgãos reguladores e de alguns anunciantes. O Yahoo! confirmou a informação. As ações do Google caíam 4,85% e as do Yahoo! avançavam 5,32%.

Às 17h04 (de Brasília), o índice Dow Jones caía 3,31%, o Nasdaq 100 recuava 3,53% e o S&P-500 registrava uma queda de 3,34%. As informações são da Dow Jones.

Leia também

 

Para saber mais

 

Serviço 

 

Opinião


Leia tudo sobre: wall street

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG