As Bolsas de Nova York abriram em baixa hoje, com a divulgação dos dados do Produto Interno Bruto (PIB). Às 12h34 (de Brasília), o Dow Jones caía 0,21%, o Nasdaq cedia 0,25% e o S&P 500 recuava 0,19%.

O PIB dos EUA no terceiro trimestre foi revisado da expansão de 3,5% anunciada anteriormente para uma alta de 2,8%. Apesar da diminuição, o dado ainda veio acima da previsão de analistas, que era de revisão para alta de 2,7%. O gasto do consumidor aumentou 2,9% no terceiro trimestre, contribuindo com 2,1 pontos porcentuais para o PIB; a estimativa anterior havia sido de alta de 3,4% e contribuição de 2,4 pontos.

A divulgação dos dados da S&P Case-Shiller, no entanto, pode servir para motivar os investidores. O preço dos imóveis nas 20 maiores áreas metropolitanas dos Estados Unidos caiu 9,4% em setembro em relação ao mesmo mês do ano passado, mas subiu 0,3% na comparação com agosto. O preço dos imóveis nas 10 maiores regiões metropolitanas caiu 8,5% em setembro em relação a setembro do ano passado, mas subiu 0,4% frente a agosto.

A agenda de indicadores ainda traz como destaque hoje, às 13 horas, o índice de confiança do consumidor do Conference Board referente a novembro. Entre as empresas, destaque para Hewlett-Packard, que caía 0,5% no pré-mercado em Wall Street, embora o grupo tenha anunciado ontem aumento de 14% do lucro. Heinz e Medtronic subiam após melhorarem suas perspectivas para o atual ano fiscal. Analog Devices ganhava 1,3%. Embora tenha registrado queda de 27% do lucro, a empresa apresentou forte aumento das encomendas. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.