SÃO PAULO - Depois das fortes perdas dos dois últimos pregões, os investidores voltaram às compras em Wall Street, aproveitando os preços baixos das ações. Isso fez os principais índices fechar a sexta-feira em alta, apesar dos dados preocupantes sobre o mercado de trabalho americano.

O industrial Dow Jones subiu 2,9%, para 8.943,89 pontos. O Standard & Poor´s 500 avançou 2,9%, para 930,66 pontos e o eletrônico Nasdaq fechou aos 1.647,4 pontos, em alta de 2,4%.

No acumulado da semana, porém, o S & P 500 perdeu 3,9%. O Dow Jones recuou 4,1% e o Nasdaq, 4,3%.

Hoje o governo anunciou que a economia americana fechou 240 mil postos de trabalho em outubro e 1,2 milhão de vagas no ano. A taxa de desemprego saiu de 6,1% em setembro para 6,5% em outubro.

São más notícias, mas levaram os agentes a especular que o Federal Reserve pode cortar novamente os juros americanos - cuja taxa básica já está em 1% anuais.

As ações da GM foram destaque negativo, ao cair 9,2%. A montadora anunciou hoje prejuízo trimestral de US$ 2,54 bilhões. Na ponta oposta, o destaque positivo foram os papéis da Alcoa, que avançaram 9,1%.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.