SÃO PAULO - Mais um dia de queda nas cotações do petróleo, mais um dia de alta para os principais indicadores das bolsas de valores americanas. A desvalorização da commodity contribui para fortalecer o dólar e ameniza os temores do mercado de que os custos crescentes com combustível continuem pressionando a inflação e prejudicando o consumo.

O Dow Jones Industrial subiu 0,3%, aos 11.632,38 pontos. O Nasdaq Composite avançou 1%, aos 2.325,88 pontos. O S & P 500 ganhou 0,4% aos 1.282,19 pontos.

As ações das financiadoras de hipotecas Fannie Mae e Freddie Mac foram destaque de alta hoje, com avanço de 12% e 11%, respectivamente. O pacote de ajuda do governo a essas empresas deve ser votado ainda hoje na Câmara e o secretário do Tesouro americano, Henry Paulson, comentou que a aprovação dessas medidas vai mandar uma mensagem muito forte de confiança aos investidores. Na esteira, subiram ações do setor financeiro, como Bank of America (+3,4%) e JP Morgan (+2,7%)
Os preços do petróleo caíram cerca de US$ 4 em Londres e Nova York, novamente beneficiando as empresas aéreas. A UAL, controladora da United Airlines, subiu 11,2%, e a Delta avançou 11,5%.

As ações da AT & T ganharam 3,9%. O lucro líquido da companhia americana de telecomunicações subiu 4,7%, para US$ 3,8 bilhões no segundo trimestre.

(Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.