Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas de Nova York fecham em baixa, puxadas por bancos

SÃO PAULO - Os mais importantes índices de ações das bolsas de Nova York fecharam em baixa nesta segunda-feira, diante da preocupação dos investidores com as perdas que os bancos podem ter com a fraude do caso Madoff. O índice Dow Jones fechou em baixa de 0,75%, aos 8.564,53 pontos. O Standard & Poor`s 500 recuou 2,26%, para 859,82 pontos, e o Nasdaq Composite teve perda 2,98%, para 1.494,79 pontos.

Valor Online |

Os investidores estão cautelosos com as perdas que devem surgir no sistema financeiro por conta da fraude arquitetada pela empresa de investimento do ex-presidente da Nasdaq Bernard Madoff.

O esquema de Madoff, que administrava recursos de terceiros, consistia em uma espécie de pirâmide financeira, que envolvia grandes rentabilidades para os investidores antigos, pagas com o dinheiro dos investidores mais novos. Santander, Royal Bank of Scotland, BNP Paribas estão entre os bancos que já confirmaram que devem ser afetados. O valor estimado do golpe é de até US$ 50 bilhões.

Entre as ações do setor financeiro em Wall Street, destaque para a queda de 7,30% do JP Morgan (US$ 28,68), 4,92% da American Express (US$ 19,34), 5,43% do Bank of America (US$ 14,12) e de 4,29% do Citigroup (US$ 7,37).

A ausência de boas notícias a respeito de um possível acordo para salvamento das montadoras norte-americanas também afeta o humor do mercado.

Entre os dados de destaque do dia, o Federal Reserve informou que a produção industrial dos Estados Unidos recuou 0,6% em novembro, o que implica uma inversão da direção tomada um mês antes, de crescimento de 1,5%.

Leia tudo sobre: bolsas nos eua

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG