Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas de Nova York caem mais de 2%

As ações dos setores de commodities e financeiro caem com força, derrubando o índice Dow Jones em mais de 250 pontos. Dados do mercado de trabalho reforçaram temores de recessão e a expectativa para a demanda mundial por commodities se enfraqueceu ainda mais, disseram analistas.

Agência Estado |

Às 14h42 (de Brasília), o Dow Jones caía 2,42%, para 11.253 pontos; o Nasdaq perdia 2,55%, aos 2.274,17 pontos; enquanto o S&P 500 registrava baixa de 2,43%, aos 1.244 pontos.

Durante boa parte do ano, os preços das commodities se comportaram como se o crescimento na China e em outras nações emergentes compensaria a crise nos setores financeiro e imobiliário dos EUA. Agora, a mensagem dos mercados é de que a desaceleração se propaga no mundo, sem qualquer alívio nos EUA, explicam analistas. Uma das ações mais fracas no Dow hoje é a da Caterpillar (queda de 5,5% às 14h37), fabricante de equipamentos de mineração e construção que faz boa parte dos seus negócios no exterior.

O Departamento de Trabalho dos EUA informou, em relatório, que a média quadrissemanal dos pedidos de auxílio-desemprego permanece em níveis tipicamente associados com recessão, em 438 mil. A pesquisa ADP sobre a movimentação no mercado de trabalho norte-americano mostrou corte de 33 mil nas vagas no setor privado em agosto, levemente acima da estimativa de 30 mil previsto pelos analistas.

Mais confirmação de fraqueza econômica veio das empresas varejistas. No mês crucial de volta às aulas, agosto, as varejistas registraram fracas vendas nas lojas abertas há mais de um ano, com muitos números abaixo das expectativas. As tempestades tropicais prejudicaram o tráfego e os consumidores continuaram cortando gastos.

No setor financeiro, tanto Lehman Brothers quanto Merrill Lynch foram alvos de notícias de que enfrentam possíveis dificuldades em trabalhar acordos para limpar seus balanços. As instituições possuem bilhões de dólares em títulos lastreados em hipotecas e, conforme os preços das moradias recuam, esses títulos perdem valor, explicam analistas. O Korea Asset Management (Kamco) disse hoje que está revisando seus planos para investir nos créditos podres do Lehman Brothers e do Merrill Lynch. Às 14h27 (de Brasília), Merrill Lynch perdia 5,4% e Lehman Brothers, 8,4%. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: wall street

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG