Tamanho do texto

SÃO PAULO - As bolsas da Europa operam em alta nesta sexta-feira, dia em que os agentes observam os últimos acontecimentos relativos à Grécia e balanços de empresas. O primeiro-ministro grego George Papandreou pediu a ativação do plano de resgate acertado entre líderes europeus e o Fundo Monetário Internacional (FMI) para retirar o país da crise da dívida. Depois de comentar que os mercados não reagiram às medidas de austeridade adotadas pelo governo grego, o premiê acrescentou ser uma necessidade pedir o socorro financeiro. Os agentes analisam ainda os resultados da pesquisa do instituto Ifo, que mostraram que o clima dos negócios na Alemanha melhorou em abril. Há pouco, o londrino FTSE-100 tinha alta de 0,88%, aos 5.715 pontos.

SÃO PAULO - As bolsas da Europa operam em alta nesta sexta-feira, dia em que os agentes observam os últimos acontecimentos relativos à Grécia e balanços de empresas. O primeiro-ministro grego George Papandreou pediu a ativação do plano de resgate acertado entre líderes europeus e o Fundo Monetário Internacional (FMI) para retirar o país da crise da dívida. Depois de comentar que os mercados não reagiram às medidas de austeridade adotadas pelo governo grego, o premiê acrescentou ser uma necessidade pedir o socorro financeiro. Os agentes analisam ainda os resultados da pesquisa do instituto Ifo, que mostraram que o clima dos negócios na Alemanha melhorou em abril. Há pouco, o londrino FTSE-100 tinha alta de 0,88%, aos 5.715 pontos. O CAC-40, de Paris, avançava 0,77%, para 3.954 pontos. Por fim, o DAX, de Frankfurt, registrava elevação de 1,43% aos 6.256 pontos. As notícias sobre a Grécia impulsionavam as ações de bancos, como Santander e Lloyds. Já entre as empresas que divulgaram balanços estão a Volvo e a Ericsson, com valorização. (Karin Sato | Valor, com agências internacionais)
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.