SÃO PAULO - As bolsas europeias recuam, pressionadas pelo pessimismo diante da notícia de retração da economia dos países da zona do euro, além do desânimo com resultados corporativos decepcionantes. A divulgação do Produto Interno Bruto (PIB) da zona do euro abalou os mercados neste pregão. Houve retração de 1,5% da economia da região nos últimos três meses de 2008 frente ao trimestre anterior, quando houve uma contração de 0,2%.

Os investidores analisam também as decisões de política monetária da região anunciadas nesta manhã. O Banco Central Europeu (BCE) cortou em 0,5 ponto percentual as taxas de juro da zona do euro, sendo que a principal delas passou de 2% para 1,5% ao ano. O Banco da Inglaterra ficou no mesmo caminho, reduzindo em 0,5 ponto percentual o custo do dinheiro, para 0,5% ao ano.

No âmbito corporativo, o destaque vai para as ações da seguradora Aviva, que caíram 28%, depois que a empresa anunciou prejuízo no acumulado de 2008. A British Airways perdia mais de 4%, em resposta às previsões da companhia de não ter lucro até pelo menos 2010.

Há pouco o índice londrino FTSE-100 cedia 2,26%, aos 3.563,47 pontos. O DAX, de Frankfurt, declinava 2,66% aos 3.787,19 pontos, enquanto em Paris, o CAC-40 diminuía 2,09% aos 2.619,82 pontos.

(Vanessa Dezem | Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.