Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas da Europa fecham em alta com recuo do petróleo

A maioria das principais bolsas européias fechou em alta, encerrando a semana em um tom mais firme respaldadas pelo recuo dos preços do petróleo e alta do dólar em relação ao euro, segundo operadores e analistas. Os setores sensíveis às oscilações do petróleo, como varejo e lazer, foram os mais beneficiados pela queda dos preços da commodity (matéria-prima).

Agência Estado |

Destaque ainda para as ações de empresas de saúde, que receberam suporte de notícias de alianças estratégicas.

Em Londres, o índice FT-100 caiu 0,77% e fechou com 5.454,8 pontos, pressionado pelo declínio das ações do setor de mineração e petróleo; em Paris, o índice CAC-40 subiu 0,74% e fechou com 4.453,62 pontos; em Frankfurt, o índice Xetra-Dax avançou 0,06% e fechou com 6.446,02 pontos.

Entre as varejistas, as ações da Hennes & Mauritz subiram 2,55% na Bolsa de Estocolmo, depois de anunciar um crescimento de 15% nas vendas em julho - resultado que superou as expectativas dos analistas. As ações da companhia de relógios e jóias suíça Swatch Group AG avançaram 2,59% depois de informar que prevê uma forte perspectiva para o segundo semestre do ano, citando fatores cambiais favoráveis, forte demanda em julho e agosto e até mesmo a possibilidade de estabilização dos mercados financeiros.

As ações da companhia de artigos de luxo LMVH Moët Hennessy Louis Vuitton fecharam em alta de 2,00% em Paris, enquanto, em Londres, as ações da rede de varejo Marks & Spencer subiram 3,86% e as da Next avançaram 2,78%.

No setor de saúde, a companhia suíça Cytos Biotechnology AG confirmou uma aliança com a companhia farmacêutica norte-americana Pfizer para desenvolver, fabricar e comercializar vacinas. No acordo, a Cytos receberá até 150 milhões de francos suíços em antecipação de pagamentos. As ações da Cytos fecharam em alta de 10,2%.

As ações da Stada Arzneimittel subiram 12,6% em reação às especulações de que a companhia farmacêutica israelense Teva Pharmaceutical Industries poderá lançar uma oferta pela fabricante de medicamentos genéricos alemã.

O setor de mineração teve um fraco desempenho em virtude da queda dos preços dos metais preciosos, em linha com a queda do petróleo. Em particular, os preços do ouro caíram abaixo de US$ 800,00 por onça-troy pela primeira vez este ano. Em Londres, as ações da Eurasian Natural Resources caíram 6,47% e as da Kazakhmys fecharam em baixa de 7,05%.

Entre as petrolíferas, as ações Royal Dutch Shell recuaram 2,22% e as da BP registraram uma queda de 2,18% em Londres. Em Paris, as ações da Total fecharam em baixa de 0,74%.

Em Madri, o índice Ibex-35 subiu 0,68% e fechou com 11.686,10 pontos; em Lisboa, o índice PSI-20 avançou 0,26% e fechou com 8.584,53 pontos. A Bolsa de Milão não operou hoje em virtude de feriado nacional na Itália. As informações são da Dow Jones.

 

Leia tudo sobre: bolsa

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG