Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas da Europa fecham com fortes quedas; Londres declina 8,85%

SÃO PAULO - As praças acionárias da Europa terminaram com baixas significativas em meio à persistente tensão nos negócios. Os agentes não se mostram satisfeitos com as ações de bancos centrais e de governos para tentar frear a crise.

Valor Online |

Os investidores acompanharam o movimento de vendas em Wall Street e na Ásia. As palavras do presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, também não surtiram os efeitos esperados.

O dirigente dos EUA observou que seu governo está trabalhando para solucionar a crise. "Este é um momento de ansiedade, mas o povo americano pode confiar no futuro da economia. Sabemos quais são os problemas e temos as ferramentas para resolvê-los", declarou Bush.

Em Londres, o FTSE-100 caiu 8,85%, somando 3.932,06 pontos. O CAC-40, de Paris, cedeu 7,73%, ficando em 3.176,49 pontos. Em Frankfurt, o DAX encerrou ais 4.544,31 pontos, com declínio de 7,01%.

(Juliana Cardoso | Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG