A maior parte das bolsas asiáticas encerrou com quedas moderadas, com exceção dos mercados chineses, ajudados pela demanda de última hora por ações com preço baixo. A Bolsa de Hong Kong fechou em ligeira baixa, influenciada pela persistência do temor de queda nos lucros das incorporadoras imobiliárias e pelo recuo nas ações do HSBC.

O índice Hang Seng desceu 0,7% e fechou aos 13.939,09 pontos.

A procura de pechinchas no setor de aviação e nas ações de corretoras, no final do pregão, ajudou as Bolsas da China a fechar com leve alta, limitada pelo fraco desempenho das empresas de energia. O índice Xangai Composto avançou 0,8% e encerrou aos 1.859,11 pontos. O Shenzhen Composto ganhou 1,5% e fechou aos 501,76 pontos. Yuan - No mercado de câmbio, a alta do dólar diante do euro enfraqueceu a moeda chinesa. Por volta das 4h30 (de Brasília), o dólar era cotado no mercado de balcão a 6,8284 yuans, acima dos 6,8251 yuans do fechamento de ontem. A paridade central foi fixada em 6,8291, também acima dos 6,8265 de ontem.

O índice Kospi da Bolsa de Seul recuou 0,4% e encerrou aos 1.123,83 pontos, afetado por perdas em papéis de instituições bancárias. Após a detenção do ex-presidente Chen Shui-bian, acusado de corrupção, o mercado de ações de Taiwan teve um dia de pessimismo, já que as sombrias perspectivas econômicas agora se somam à instabilidade política doméstica. O índice Taiwan Weighted da Bolsa de Taipé caiu 0,5%, fechando aos 4.615,57 pontos. O mercado australiano amargou seu nono dia de quedas, em sintonia com o prosseguimento da crise global. O índice S&P/ASX 200 da Bolsa de Sydney caiu 0,9% e fechou aos 3.927,3 pontos. Sem muitas novidades no âmbito local, mas com os temores de sempre no âmbito internacional, os investidores filipinos ficaram em compasso de espera e o mercado pouco se alterou em relação à véspera. Praticamente estável, o índice PSE da Bolsa de Manila encerrou aos 1.948,72 pontos, ligeira alta de 0,02%.

A Bolsa de Cingapura teve baixa, apesar da calma sessão, após a remoção de quatro companhias do índice de referência MSCI Singapore Index O índice Strait Times recuou 1,27% e fechou aos 1.784,01 pontos. O mercado indonésio teve baixa por conta de preocupações com a desvalorização da moeda. O índice composto da Bolsa de Jacarta cedeu 0,7% e fechou aos 1.326,62 pontos. Na Tailândia, o índice SET da Bolsa de Bangcoc desvalorizou 1,5% e fechou aos 435,70 pontos devido às perdas nas ações referentes a commodities seguindo a baixa nos preços das matérias-primas. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur , na Malásia, perdeu 0,5% e fechou aos 890,34 pontos, afetado pelo desempenho em Wall Street e pelos resultados de companhias locais e dados econômicos. As informações são da Dow Jones

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.