Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas da Ásia estendem ganhos da virada do ano

SÃO PAULO - Os mercados acionários asiáticos dão prosseguimento ao otimismo de começo de ano. A valorização dos índices nova-iorquinos na sexta-feira, a alta recente no petróleo e a esperança de que os governos - inclusive o americano - vão continuar tomando medidas para combater a crise internacional deram apoio às negociações.

Valor Online |

Na bolsa de Tóquio, que estava fechada desde 30 de dezembro e hoje operou apenas meio período, o índice Nikkei 225 ganhou 2,1%, para 9.043,12 pontos, no melhor desempenho para um primeiro pregão de ano desde 2002. Ações de exportadoras estiveram em destaque, amparadas por notícia do The Wall Street Journal de que o presidente eleito dos EUA, Barack Obama, e congressistas de seu partido, o Democrata, estariam planejando um novo pacote de US$ 300 bilhões que daria incentivos fiscais a consumidores e empresas. As ações da Toyota ganharam 3,6% e as da Nintendo subiram 5,5%, por exemplo.

Em Hong Kong, o índice Hang Seng avançou 3,46% para fechar em 15.563,31 pontos. Na China, o Shanghai Composite terminou com alta de 3,3%, aos 1.880,72 pontos. O primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, anunciou que o governo pretende tomar medidas para estimular as indústrias do aço e de automóveis. Com isso, as ações de empresas desses setores avançaram, como as da Baoshan Iron & Steel (+7,5%).

O índice Kospi, da bolsa de Seul, teve o terceiro pregão de alta ao subir 1,4%, aos 1.173,57 pontos, impulsionado pelas ações do setor bancário. Holdings financeiras como a Woori Finance Holdings e a Hana Financial Group avançaram com a maior estabilidade da moeda da Coréia do Sul, o won, e o aumento das reservas internacionais do país.

(Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG