Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas da Ásia encerram em alta; HK ganha 3,6%

Os mercados asiáticos terminaram os pregões no território positivo, no encalço dos bons resultados em Wall Street. Também teve influência a expectativa dos investidores de que o Senado dos Estados Unidos irá aprovar hoje o plano de estímulo econômico proposto pelo presidente Barack Obama.

Agência Estado |

As esperanças de mais medidas de estímulo econômico por parte do governo chinês também ajudaram a Bolsa de Hong Kong a fechar em forte alta. O índice Hang Seng subiu 476,14 pontos, ou 3,6%, e encerrou aos 13.655,04 pontos - na semana, o índice acumulou alta de 2,8%.

O rali nas ações das montadoras, com as esperanças de que Pequim irá lançar em breve medidas para subsidiar a compra de veículos para a agricultura, ajudou as Bolsas da China a atingir a sua maior alta em mais de quatro meses. O índice Xangai Composto avançou 4% e encerrou aos 2.181,24 pontos, no melhor fechamento desde 26 de setembro. O Shenzhen Composto também avançou 4% e terminou aos 672,81 pontos. Yuan - A estabilidade na taxa de paridade central dólar-yuan levou a moeda chinesa a não apresentar grandes variações em relação à unidade norte-americana. Contudo, a crescente confiança nas perspectivas da economia da China ajudaram a derrubar os preços do dólar futuro em relação ao yuan (NDF). No mercado de balcão, às 4h30 (horário de Brasília), a cotação do dólar era de 6,8363 yuans, estável em relação ao fechamento de quinta-feira, que foi de 6,8367 yuans.

Já a Bolsa de Taipé, em Taiwan, fechou no maior nível em mais de três semanas. O índice Taiwan Weighted subiu 2,5% e terminou aos 4.471,25 pontos, a melhor pontuação desde 14 de janeiro. Na Bolsa de Seul, na Coreia do Sul, o índice Kospi ganhou 2,7% e fechou no maior nível desde 7 de janeiro, aos 1.228,17 pontos. Os ganhos das bolsas dos EUA estimularam a Bolsa de Sydney, na Austrália, onde o índice S&P/ASX 200 avançou 1,2%, para 3.469,9 pontos. Na Bolsa de Manila, nas Filipinas, o índice PSE fechou com alta de 2,7%, aos 1.942,48 pontos, o maior nível desde 16 de janeiro.

O índice Strait Times da Bolsa de Cingapura subiu 0,6% e fechou aos 1.715,35 pontos. Às 7h45, o índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, subia 2,6%, aos 444,76 pontos. O mercado indonésio encerrou em alta, liderada pelas ações relativas a commodities, como níquel e carvão, devido à alta dos preços do petróleo. O índice composto da Bolsa de Jacarta subiu 1,7% e fechou aos 1.350,64 pontos. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, ganhou 1,9% e fechou aos 896,64 pontos. As informações são da Dow Jones

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG