Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas da Ásia encerram com sinais diversos

O último dia do mês nos mercados asiáticos foi de altos e baixos, com contínua volatilidade e temores sobre o aumento da recessão global. Parte das bolsas da região acabou influenciada pelo bom desempenho de Wall Street.

Agência Estado |

Já outros pregões sofreram com os balanços das empresas no terceiro trimestre, além de fatores internos. A Bolsa de Hong Kong sofreu forte desaceleração nas blue chips no pregão da tarde, por conta do decepcionante resultado da Bolsa de Tóquio. O índice Hang Seng perdeu 361,18 pontos, ou 2,5%, e terminou aos 13.968,67 pontos - no mês, o índice desabou 22%.

As preocupações sobre a redução dos ganhos das empresas e o declínio nos mercados regionais, em particular Japão e Hong Kong, fizeram as Bolsas da China fechar em baixa. O índice Xangai Composto caiu 2% e encerrou aos 1.728,79 pontos - no mês, o índice acumulou perdas de 24,6%. Já o Shenzhen Composto recuou 1,4% e terminou aos 470,91 pontos. Yuan - A forte demanda por dólares por parte dos clientes de bancos levou o yuan a se desvalorizar em relação à unidade norte-americana, a despeito de surpreendente queda da taxa de paridade dólar-yuan. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em 6,8395 yuans, de 6,8380 yuans do fechamento de quinta-feira. A paridade central foi fixada em 6,8258 yuans, de 6,8270 ontem.

Os ganhos nas bolsas dos EUA, a intervenção dos fundos governamentais e as esperanças de estreitamento de laços com o governo da China levaram a Bolsa de Taipé, em Taiwan, a apresentar forte alta. O índice Taiwan Weighted subiu 4% e encerrou aos 4.870,66 pontos.
A Bolsa de Seul, na Coréia do Sul, fechou em alta após uma sessão volátil. O índice Kospi subiu 2,6% e encerrou aos 1.113,06 pontos. A procura por pechinchas continuou a impulsionar a Bolsa de Manila, nas Filipinas, onde o índice PSE Composto avançou 4,6% e fechou aos 1.951,09 pontos. Na Austrália, as compras de fim de mês por parte dos fundos domésticos ajudaram a Bolsa de Sydney a fechar em alta. O índice S&P/ASX avançou 0,4% e terminou aos 4.018,0 pontos.

O índice Strait Times da Bolsa de Cingapura recuou 0,48% e fechou aos 1.793,21 pontos. Às 7h52, o índice SET da Bolsa de Bangcoc, na Tailândia, subia 2%, aos 416,53 pontos. O mercado indonésio teve forte alta com as buscas por pechinchas e ainda a alta da rupia. O índice composto da Bolsa de Jacarta saltou 7,1% e fechou aos 1.256,70 pontos. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, subiu 1,2% e fechou aos 863,61 pontos. As informações são da Dow Jones

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG