Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas da Ásia continuam em queda e mercado europeu oscila

As Bolsas da Ásia fecharam em queda nesta quinta-feira, enquanto o mercado da Europa oscilava, sem uma tendência clara, diante dos temores de novos colapsos bancários e depois do anúncio de uma ação coordenada dos bancos centrais para aliviar a crise.

AFP |

Em Tóquio, o índice Nikkei fechou em queda de 2,22%, no menor nível em três anos, arrastada pelos valores bancários e pela queda das ações dos grandes exportadores japoneses.

Em Xangai o retrocesso foi de 1,72%. A Bolsa de Seul encerrou o dia em queda de 2,30%, Sydney perdeu 2,43%, Taipé 2,74%, Manila 4,26% e a Nova Zelândia 3,51%.

No entanto, o anúncio da ação dos bancos centrais conseguiu salvar a Bolsa de Hong Kong, que chegou a perder 7,4% durante a manhã, mas fechou a sessão em um surpreendente equilíbrio (-0,03%).

Na Europa, Londres operava em leve alta de 0,11%, depois que o banco britânico Lloyds TSB anunciou a compra por 12,2 bilhões de libras (15,4 bilhões de euros, mais de 22 bilhões de dólares) do Halifax Bank of Scotland (HBOS), instituição cujas ações estavam em queda livre.

Na Bolsa de Frankfurt, o índice Dax perdia 0,07%, enquanto em Paris o CAC-40 retrocedia 0,09%.

As autoridades financeiras se esforçam para acalmar os mercados, agitados pelos rumores de falências de grandes bancos.

Depois da nacionalização da seguradora AIG, o Federal Reserve (Fed, banco central americano), o Banco Central Europeu (BCE) e os bancos centrais de Inglaterra, Japão, Canadá e Suíça anunciaram nesta quinta-feira operações de refinanciamento em dólares para acalmar as pressões a curto prazo sobre os mercados.

O Fed anunciou ainda que injetará 180 bilhões de dólares para dar liquidez aos mercados.

burs/fp

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG