Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas asiáticas fecham em queda; HK perde 2,5%

HONG -KONG - A maioria dos mercados da Ásia fechou em queda nesta quarta-feira. Mas, ao contrário de Wall Street e das demais bolsas pelo mundo, não reagiram com o mesmo pessimismo ao plano de resgate do sistema bancário dos Estados Unidos.

Agência Estado |

Fatores internos ajudaram algumas bolsas a limitar as perdas. Não houve negociações no Japão por ser feriado. Na Bolsa de Hong Kong, o índice Hang Seng declinou 2,5%, e fechou aos 13.539,21 pontos.

As fortes perdas em Wall Street e os fracos números do comércio exterior em janeiro estimularam a realização de lucros nas ações chinesas no final do pregão. Este movimento levou a Bolsa de Xangai a fechar em ligeira queda, após três sessões seguidas de alta. O índice Xangai Composto recuou 0,2% e encerrou aos 2.260,82 pontos. Por outro lado, o Shenzhen Composto ganhou 0,2% e terminou aos 716,40 pontos. Yuan - A alta do dólar ante o euro ajudou a empurrar o yuan levemente abaixo da unidade americana, mas os dados sobre comércio exterior piores que o esperado levaram a outro dia fraco de negócios. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado em 6,8333 yuans, de 6,8326 yuans do fechamento de ontem.

Já a Bolsa de Taipé, em Taiwan, reverteu as perdas do início do pregão, com a presença de investidores em busca de ofertas de ocasião em ações do setor tecnológico. O índice Taiwan Weighted subiu 1,1% e terminou aos 4.575,95 pontos. Na Coreia do Sul, o índice Kospi da Bolsa de Seul reduziu as perdas com a ajuda das ações de alguns estaleiros e empresas de transporte marítimo e acabou com recuo de apenas 0,7%, fechando aos 1.190,18 pontos. O mercado australiano também conseguiu reduzir a baixa no final do pregão e o índice S&P/ASX 200 da Bolsa de Sydney terminou com uma queda de 0,4%, fechando aos 3.474,4 pontos. O índice PSE da Bolsa de Manila, nas Filipinas, recuou 1% e fechou aos 1.897,75 pontos.

A Bolsa de Cingapura encerrou em alta, após reverter baixa inicial devido à queda em Wall Street, uma vez que a alta de várias peso pesados fez o índice de referência da bolsa explodir. O índice Strait Times ganhou 1,1% e fechou aos 1.721,97 pontos. Na Indonésia, o mercado foi pressionado pelo resultado do índice Dow Jones e pela desvalorização da rupia. O índice composto da Bolsa de Jacarta caiu 0,6% e fechou aos 1.324,82 pontos. O mercado tailandês recuperou-se das perdas para fechar em alta, por conta de compras ao final da sessão de papéis de energia e de bancos. O índice SET da Bolsa de Bangcoc teve alta de 0,2% e fechou aos 444,10 pontos. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur, na Malásia, recuou 0,7% e fechou aos 897,07 pontos, por conta de realizações de lucros seguindo as pistas negativas de Wall Street e dados piores que os esperados sobre a produção manufatureira doméstica. Papéis do setor agrícola lideraram as baixas. As informações são da Dow Jones

Leia tudo sobre: asiaàsiaásia

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG