Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas asiáticas fecham em alta, com exceção da China

SÃO PAULO - A maioria das bolsas asiáticas fechou em alta nessa sexta-feira, ainda no clima positivo gerado pelo corte da taxa básica de juro da China e pelas medidas de estímulo econômico adotadas pelo governo norte-americano e lideranças européias. A expectativa de que essas iniciativas ajudem a incentivar a atividade econômica impulsionou grande parte o mercado da região, com destaque para as empresas produtoras de máquinas, equipamentos e matérias-primas. Muitos agentes foram atrás de pechinchas.

Valor Online |

As ações da BHP Billiton, a maior petroleira australiana, registraram alta de 7,6%. A empresa japonesa de equipamentos Komatsu teve alta de 6,9% na Bolsa de Tóquio.

No Japão, o índice Nikkei aumentou 1,66%, aos 8.512,27 pontos, apesar de os resultados da produção industrial terem vindo abaixo do esperado pelos analistas.

Na Índia, os indicadores também fecharam no campo positivo na retomada dos negócios após os ataques terroristas ocorridos nos últimos dias. As ações da maior operadora de hotéis indiana, India Hotels, registrou queda de 15%.

A exceção vai para a Bolsa de Xangai, cujo principal índice, o Shanghai Composite, caiu 2,44%, com 1.871,16 pontos no fechamento. Os agentes mostraram-se preocupados com a situação econômica local.

O índice Hang Seng, de Hong Kong encerrou o pregão em alta de 2,48%, aos 13.888,24 pontos. Em Seul, o Kospi avançou 1,18%, aos 1.076,07 pontos.

(Vanessa Dezem | Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG