Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsas asiáticas caem afetadas por Wall Street

As bolsas da Ásia foram fortemente afetadas pelo desempenho das bolsas americanas, cujos índices fecharam nos níveis mais baixos desde 15 de julho. O petróleo subiu e os mercados da região azedaram com o alerta do FMI de que a crise no setor de crédito está contaminando o resto da economia dos EUA.

Agência Estado |

Em Hong Kong, o recuo de HSBC e China Mobile, seguindo a queda em Wall Street, levou o mercado a terminar em baixa. O índice Hang Seng caiu 1,89% e fechou aos 22.258 pontos.

Nas Bolsas da China, a queda foi liderada por papéis do setor financeiro, devido às preocupações quanto ao agravamento dos mercados imobiliário e de crédito nos EUA. O índice Xangai Composto caiu 1,8% e fechou aos 2.850,31 pontos. Já o Shenzhen Composto perdeu 1,5% e fechou aos 855,84 pontos. Yuan - Baixa na taxa de paridade central dólar-yuan levou a moeda chinesa a fechar em alta ante a divisa americana. No mercado de balcão, o dólar fechou cotado aos 6,8264 yuans, de 6,8410 yuans ontem. A paridade central foi fixada em 6,8205 yuans, ante 6,8277 de segunda-feira.

Na Coréia do Sul, a queda das ações financeiras nas bolsas americanas acendeu temores sobre a saúde desse setor nos EUA. O índice Kospi da Bolsa de Seul caiu 2% e fechou aos 1.567,20 pontos. Em Taiwan, forte queda nas ações de companhias financeiras, por sua vez afetadas pelos EUA. O índice Taiwan Weighted da Bolsa de Taipé caiu 3% e fechou aos 7.014,47 pontos. Nas Filipinas, o mercado teve ligeira baixa, por conta de realizações de lucros de recentes ganhos devido a alta de preços do petróleo e queda em Wall Street. O índice PSE Composto da Bolsa de Manila caiu 0,6%, fechando aos 2.526,04 pontos. Na Austrália, o mercado foi para o patamar mais baixo dos últimos nove dias. O índice S&P/ASX 200 da Bolsa de Sydney caiu 1,5% e fechou aos 4.847,40 pontos.

Na Bolsa de Cingapura, sinais de contínua confusão nos mercados americanos levaram o índice Strait Times a cair 0,8%, fechando aos 2.886,56 pontos. Na Indonésia, o mercado ficou quase estável, mas no terreno positivo, devido à alta nas cotações de papéis de mineradoras de carvão, por conta de aumento global nos preços da commodity. O índice composto da Bolsa de Jacarta subiu 0,1% e fechou aos 2.278,68 pontos. Na Tailândia, pressionada pela quedas nos demais mercados regionais, a Bolsa de Bangcoc terminou em baixa. O índice SET da Bolsa de Bangcoc recuou 1,3% e fechou aos 676,73 pontos. Na Malásia, houve realizações de lucros seguindo as baixas na região, mas compras de papéis em oferta reduziram as perdas. O índice composto de cem blue chips da Bolsa de Kuala Lumpur caiu 0,3% e fechou aos 1.150,80 pontos. As informações são da Dow Jones

Leia tudo sobre: bolsa de valores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG