Por Eric Burroughs HONG KONG (Reuters) - O índice Nikkei, da bolsa de Tóquio, teve o maior fechamento em seis semanas nesta sexta-feira, depois que investidores apostaram que um conjunto de medidas governamentais ajudarão a economia global a se recuperar no próximo ano.

O dólar e o iene caíram uma vez que administradores de portfólio enviaram alguns fundos para ativos mais arriscados enquanto se preparam para fechar seus livros do ano.

A bolsa de TÓQUIO encerrou em alta de 1,63 por cento, a 8.739 pontos. Ações que foram recentemente muito abatidas, como Toyota Motor, avançaram apesar da queda recorde da produção industrial do país em novembro. Para mais informações clique .

Investidores em grande medida preferiram se concentrar mais nos esforços dos governos para recuperarem o crescimento que na série de relatórios pessimistas que mostram que a crise financeira deu um duro golpe na economia global no final deste ano.

"Experiências passadas mostram que preços de ações tendem a subir em fins e começos de anos por conta das expectativas em torno do novo ciclo. Apesar das compras dos investidores, o cenário para a economia continua sombrio", disse Yutaka Miura, analista técnico sênior no Shinko Securities.

O volume de negócios foi fraco uma vez que muitos mercados financeiros estão fechados no dia seguinte ao Natal. As bolsas em HONG KONG e AUSTRÁLIA não operaram. Muitos mercados na Europa continuarão parados, apesar da reabertura nos Estados Unidos.

O índice MSCI que reúne bolsas da região da Ásia-Pacífico com exceção do Japão operava em baixa de 0,27 por cento às 8h01 (horário de Brasília) e nesta semana acumulou queda de 2 por cento. No ano, a perda chega a 55 por cento, na maior queda anual nos 20 anos de história do indicador.

A bolsa de SEUL teve perda de 0,94 por cento e XANGAI registrou oscilação negativa de 0,05 por cento. TAIWAN apurou alta de 0,26 por cento depois que o governo prometeu ajudar mercados de televisores de tela plana no mais recente esforço para impulsionar a indústria de tecnologia do país. CINGAPURA fechou em queda de 0,66 por cento.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.