A Bolsa de Tóquio fechou em queda, depois que os investidores receberam bem o alívio monetário adicional dado pelo Banco do Japão (BOJ, banco central), assim como a reiteração da política monetária do Federal Reserve (Fed, banco central dos EUA). As ações do setor imobiliário e das empresas de crediário foram especialmente beneficiadas.

O índice Nikkei 225 ganhou 125,27 pontos, ou 1,2%, e fechou aos 10.846,98 pontos.

As ações subiram desde a abertura, na medida em que embutiam o anúncio de ontem do Fed. A alta se acelerou com a decisão do BOJ, após o intervalo do meio do pregão. O banco central japonês decidiu expandir sua linha de crédito para o sistema financeiro em 10 trilhões de ienes (US$ 110,36 bilhões), além dos 10 trilhões de ienes concedidos em dezembro. A medida tem por objetivo ajudar as empresas até o fim do ano fiscal e combater a deflação. As informações são da Dow Jones

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.