Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsa de Tóquio fecha em queda, pressionada pelo setor automobilístico

SÃO PAULO - A bolsa de valores do Japão fechou em queda nesta segunda-feira, pressionada principalmente por notícias negativas vindas das montadoras do país, bem como pelo setor de construção civil. Entre os destaques desta sessão, estiveram as ações da Toyota, que caíram 1,2%, depois que um jornal japonês publicou que a montadora espera que suas vendas recuem para cerca de 7 milhões de veículos no próximo ano fiscal, ou 7% a menos do que previu para o exercício fiscal que termina em março de 2009.

Valor Online |

Outra montadora que intensifica o clima pessimista dos mercados da região é a Nissan Motor. Depois que os jornais japoneses divulgaram que a empresa pode apresentar prejuízo operacional da ordem de 200 bilhões de ienes neste ano, as ações da montadora declinaram 3,2%.

Os papéis da Pacific Holdings, empresa do setor de construção civil, chegaram a diminuir 17% neste pregão. Os investidores ficaram preocupados com a notícia de que a empresa adiou a divulgação de seus resultados.

O índice japonês Nikkei encerrou em queda de 0,81%, aos 7.682,14 pontos. Os mercados de Hong Kong, China e Coréia do Sul, entre outros, ficaram fechados nesta segunda-feira devido às comemorações do feriado do Ano Novo Lunar.

(Vanessa Dezem | Valor Online, com agências internacionais)

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG