SÃO PAULO - A bolsa de Tóquio fechou em alta nesta terça-feira, com o ânimo dos investidores em meio a notícias de que o governo japonês vai ajudar as empresas em dificuldades por causa da crise financeira. As ações do grupo financeiro Mitsubishi UFJ subiram 8,5% em Tóquio. Os papéis da companhia japonesa do setor imobiliário Sumitomo Realty & Development também apresentaram forte alta neste pregão, de 9,7%.

O mercado não se abalou com o resultado da corretora japonesa Nomura Holdings, que anunciou um prejuízo trimestral de 342,9 bilhões de ienes (US$ 3,8 bilhões). A compra das operações do Lehman Brother´s na Europa, Ásia e no Oriente Médio, em meio à crise, afetou no desempenho.

O índice Nikkei fechou esta sessão com alta de 4,9%, aos 8.061,07 pontos. Nesta terça-feira, os mercados da China, da Coréia do Sul e de Hong Kong não abriram devido ao feriado do Ano Novo chinês.

(Vanessa Dezem | Valor Online, com agências internacionais)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.