Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsa de NY fecha em queda com alta do petróleo

O mercado norte-americano de ações fechou em queda pelo segundo dia consecutivo. Entre os fatores apontados para a queda estão a alta dos preços do petróleo e de outras commodities (matérias-primas), indicadores apontando para uma retração dos gastos dos consumidores e alta dos preços e a intensificação dos temores quanto à situação dos grandes bancos.

Agência Estado |

As ações do setor financeiro e as do setor industrial estavam entre as que mais caíram, enquanto as de petróleo e commodities subiram. Segundo o estrategista James Paulsen, da Wells Capital Management, as ações financeiras caíram devido a "medo, rumores e insinuações sobre mais baixas contábeis de perdas por parte de bancos".

As ações do Bank of America caíram 7,29%, depois de o Merrill Lynch advertir que o período de dificuldades para as instituições financeiras deverá ser prolongado; além disso, o procurador-geral do Estado de Virgínia Ocidental anunciou que vai entrar com ação judicial contra a Countrywide, a unidade de crédito hipotecário do banco, por causa de perdas com títulos lastreados em hipotecas de alto risco (subprime). As ações do Lehman Brothers caíram 3,95% e as do Goldman Sachs recuaram 1,43%, depois de rebaixamentos de recomendação pelos analistas do Merrill Lynch. As da agência de crédito hipotecário Fannie Mae caíram 4,11%, depois de vencerem (sem ser renovadas) as restrições a vendas de ações a descoberto.

No setor industrial, as ações da indústria de tratores e máquinas Deere caíram 3,24%, em reação a seu informe de resultados; as da concorrente Caterpillar recuaram 2,76%. As ações da General Motors caíram 7,57%, após novo rebaixamento de nota (rating) de crédito pela agência de classificação de risco Standard & Poor's. Em dia de divulgação do indicador de vendas no varejo, as ações da Home Depot caíram 3,49%, após rebaixamento de rating pela Standard & Poor's. No setor de tecnologia, as ações da Applied Materials subiram 4,66%, em reação a seu informe de resultados. Nos setores de petróleo e commodities, os destaques foram ExxonMobil (+1,68%), Chevron (+3,21%) e Alcoa (+4,17%).

O índice Dow Jones fechou em queda de 0,94%, em 11.532,96 pontos. O Nasdaq fechou em baixa de 0,08%, em 2.428,62 pontos. O S&P-500 caiu 0,29%, para 1.285,83 pontos. O NYSE Composite recuou 0,28%, para 8.375,15 pontos. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG