O mercado norte-americano de ações fechou com os principais índices em alta moderada. Em dia de poucos negócios, influíram nos preços das ações alguns informes sobre o desempenho do comércio varejista na temporada de vendas do Natal, a alta dos preços do petróleo e o anúncio do socorro do Federal Reserve à GMAC, unidade financeira da General Motors.

As ações da General Motors subiram 12,62%, depois de o Fed anunciar, na quarta-feira, que a GMAC tem permissão para se tornar uma holding bancária, o que a qualificará para receber recursos do programa Tarp, do Tesouro norte-americano; as ações da Ford subiram 8,53%. No setor de petróleo, as ações da ExxonMobil subiram 1,86% e as da Chevron avançaram 1,05%, depois de os Emirados Árabes Unidos anunciarem que vão reduzir sua produção em até 15%, para cumprir a decisão de corte anunciada em meados do mês pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep). No setor de comércio varejista, as ações da Amazon.com subiram 0,66%, depois de a empresa dizer que esta temporada de festas foi "a melhor de todos os tempos" em termos de vendas. Outras ações do setor reagiram ao informe da SpendingPulse, ligada à MasterCard, de que as vendas no varejo caíram 8% em dezembro (até a véspera de Natal) em comparação com o mesmo período de 2007 (Nordstrom -1,24%, Macy's -2,49%).

O índice Dow Jones fechou em alta de 47,07 pontos (0,56%), em 8.515,55 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 5,34 pontos (0,35%), em 1.530,24 pontos. O S&P-500 subiu 7,38 pontos (0,85%), para 872,80 pontos. O NYSE Composite subiu 50,86 pontos (0,93%), para 5.538,19 pontos. O volume negociado na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE) alcançou em 516,8 milhões de ações, de 403,7 milhões no pregão abreviado da quarta-feira. No Nasdaq, o volume alcançou 585,5 milhões de ações negociadas, de 517,2 milhões na quarta-feira, com 1.675 ações fechando em alta e 1.127 em queda. Na semana, o Dow acumulou uma queda de 0,74%, o Nasdaq, uma perda de 2,18% e o S&P-500, um recuo de 1,70%.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.