Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsa de NY fecha em alta com indicadores e petróleo

As ações norte-americanas registraram hoje uma sólida alta e recuperaram as perdas de ontem, embaladas pela melhora na confiança do consumidor e declínio dos preços do petróleo para os menores níveis em mais de dois meses, que ofereceram algum alívio sobre as persistentes preocupações relacionadas à economia dos EUA. Além disso, os investidores ficaram esperançosos de que a liquidação de ativos lastreados em hipotecas promovida pelo banco de investimentos Merrill Lynch vai finalmente colocar um preço definitivo sobre os ativos de risco.

Agência Estado |

"Estas foram coisas boas e quando você combina isso com taxas relativamente baixas, talvez, possamos ficar felizes pelo menos um dia esta semana", disse Kevin Giddis, diretor-gerente do Morgan Keegan & Co.

As ações do Merrill Lynch subiram 7,89% depois que seu executivo-chefe, John Thain, prometeu limpar o balanço do banco e anunciou duas medidas neste sentido na noite passada: a venda de US$ 8,55 bilhões em ações ordinárias, por US$ 22,50 cada ação, a investidores e a venda de obrigações de dívida colatelarizada (CDO, na sigla em inglês), com um valor nominal de US$ 30,6 bilhões, com um grande deságio. No mercado de ativos hipotecários, operadores sentiram durante o último ano como se não houvesse compradores em qualquer preço. "Foi uma resposta muito positiva; deu às pessoas a sensação de que o pior já passou", disse um operador de ativos de um fundo hedge. O acordo vai deixar o Merrill com uma exposição remanescente de US$ 8,8 bilhões nos CDO restantes.

As ações do American International Group (AIG), que foi uma freqüente contraparte do Merrill na dívida colatelarizada, tiveram um ganho similar, de 7,89%. Isso deu impulso de alta para as ações do setor financeiro, com destaque para a disparada de 14,83% das ações do Bank of America - integrante da cesta de ações do índice Dow Jones.

O índice Dow Jones subiu 2,39% e fechou com 11.397,56 pontos. O Nasdaq avançou 2,45% e fechou com 2.319,62 pontos. O S&P-500 subiu 2,34% e terminou o dia com 1.263,20 pontos, enquanto o NYSE Composite ganhou 1,93%, para 8.419,20 pontos. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG