O mercado norte-americano de ações reverteu as perdas de ontem e fechou em alta hoje

selo

O mercado norte-americano de ações reverteu as perdas de ontem e fechou em alta hoje. No caso do índice Dow Jones, este foi o quinto fechamento em alta nos últimos seis pregões. O dia foi marcado pela divulgação do Livro Bege do Federal Reserve (Fed, banco central americano); embora o relatório tenha indicado uma desaceleração no crescimento da economia dos EUA, sete dos doze distritos do Fed relataram condições melhores em suas respectivas regiões.

Os temores quanto à divida soberana de países europeus foram aliviadas por leilões bem sucedidos de títulos dos governos de Portugal e da Polônia e o setor financeiro reagiu positivamente ao anúncio de um acordo no âmbito do BIS (Banco para Compensações Internacionais) para as reformas de regulamentação Basileia III. O anúncio de propostas de cortes de impostos para as empresas pelo presidente Barack Obama também foi bem recebido pelo mercado, embora detalhes não tenham sido divulgados até o fechamento.

Entre as componentes do Dow Jones, os destaques positivos incluíram JPMorgan Chase (+2,19%), Alcoa (+1,93%), Caterpillar (+1,49%) e Boeing (+1,70%). As ações da Hewlett-Packard caíram 2,78%, após rebaixamento de recomendação pelos analistas do UBS; a empresa emitiu US$ 3 bilhões em bônus nesta quarta-feira.

No setor de comércio varejista, as ações da Staples subiram 1,98% e as da Costco avançaram 0,97%, depois de recomendação pelos analistas do Goldman Sachs. As da Apple, do setor de tecnologia, subiram 1,98%, depois de o UBS elevar sua previsão de lucro.

O Dow fechou em alta de 46,32 pontos (0,45%), em 10.387,01 pontos. O Nasdaq fechou em alta de 19,98 pontos (0,90%), em 2.228,87 pontos. O S&P-500 fechou em alta de 7,03 pontos (0,64%), em 1.098,87 pontos. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.