Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsa de NY amplia ganhos e Ibovespa sobe mais de 4%

As Bolsas de Nova York ampliaram os ganhos do dia nesta tarde, influenciando positivamente o mercado acionário brasileiro. Às 14 horas, o Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo, avançava 4,26%, aos 37.994 pontos, seu melhor desempenho neste pregão até o horário.

Redação com Agência Estado |

 

Acordo Ortográfico

Em Nova York, enquanto isso, o Dow Jones ganhava 1,93%, o Nasdaq subia 2,17% e o S&P-500 registrava alta de 2,50% - os três índices também estavam em suas respectivas máximas do dia até então.

As blue chips (ações de primeira linha), beneficiadas pelo setor de commodities (matérias-primas), ajudavam a puxar o desempenho do índice. Petrobras PN subia 7,21%, Petrobras ON tinha alta de 8,93%, Vale PNA avançava 6,36% e Vale ON ganhava 7,52%.

A recuperação dos preços do petróleo (em alta de 2,93% em Nova York) reflete a expectativa de que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) vai cortar em breve sua produção, sobretudo após a decisão do cartel de antecipar sua reunião extraordinária de 18 de novembro para 24 de outubro. A alta do óleo beneficia os papéis da Petrobras. Quanto à Vale, as ações subiam em virtude da valorização do cobre.

Dólar

O dólar vem operando em queda nesta sexta-feira. Por volta das 14h10, a moeda americana caía 1,90%, cotada a R$ 2,119.

O Banco Central (BC) vendeu integralmente os contratos de swap cambial em operação programada desde ontem. Na transação, realizada das 12h45 às 13h, a autoridade monetária vendeu US$ 1,373 bilhão em contratos de swap cambial com ajuste periódico. Com essa operação, o BC tem como objetivo fornecer "hedge" (proteção) às empresas - pagando a variação do dólar e recebendo juros.

O mercado aceitou todo o lote ofertado, com vencimento em 2 de janeiro de 2008. Foram absorvidos os 28 mil contratos leiloados. A cotação mínima foi de 98,0945, a taxa nominal foi de 9,8545% e a linear, de 9,450%.

Depois de ficar desde maio de 2006 sem fazer esse tipo de operação, o BC voltou a ofertar tais contratos diante da crise financeira mundial que vem fazendo disparar o valor do dólar perante o real.

Mais notícias

 

Para saber mais

 

Serviço 

 

Opinião

Leia tudo sobre: bovespadolar

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG