Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsa de NY abre em baixa, mesmo com varejo em alta

As Bolsas de Nova York começaram o pregão regular de hoje em baixa, apesar da surpresa positiva do número de vendas no varejo. Às 12h34 (de Brasília), o índice Dow Jones caía 1,94%, o Nasdaq estava em queda de 1,65% e o S&P 500 cedia 2,12%.

Agência Estado |

As vendas nos EUA cresceram 1% em janeiro, no primeiro aumento em sete meses. O dado contrariou a expectativa média de economistas consultados pela Dow Jones, que esperavam declínio de 0,8%. Mas crescia hoje entre os investidores a avaliação de que os pacotes governamentais não serão suficientes para evitar o aprofundamento da recessão global. Ontem, a Bolsa de Nova York subiu após o anúncio do acordo no Congresso sobre um pacote de US$ 789 bilhões de estímulo à economia.

O número de trabalhadores norte-americanos que entraram pela primeira vez com pedido de auxílio-desemprego caiu 8 mil na semana que terminou em 7 de fevereiro em relação à semana anterior, após ajustes sazonais, para 623 mil. A média móvel de pedidos feitos em quatro semanas foi de 607,5 mil, um aumento de 24 mil em relação à média revisada da semana anterior de 583,5 mil. O nível da média móvel é o maior desde novembro de 1982.

No pré-mercado, as ações do JPMorgan Chase e da Intel se destacavam na baixa.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG