Os índices futuros de ações em Nova York e as bolsas europeias viraram para cima depois que o Departamento do Trabalho informou que o mercado de trabalho dos EUA cortou 524 mil vagas em dezembro, praticamente em linha com o corte de 525 mil vagas esperado por economistas. A reação aponta para abertura em alta no pregão em Wall Street uma vez que, embora ruins, os dados de hoje não confirmaram as estimativas mais pessimistas, depois que os números da ADP, divulgados na quarta-feira, mostraram corte de vagas no setor privado em dezembro bem maior que o esperado.

Às 12h31 (de Brasília), o índice Dow Jones avançava 0,29% a 8.767 pontos. O Nasdaq cedia 0,05% a 1.616 pontos e o S&P 500 subia 0,17% a 911 pontos. A Bolsa de Londres operava em alta de 0,14%, a de Frankfurt subia 0,76% e a de Paris avançava 0,92%.

A Pesquisa Nacional de Emprego da ADP/Macroeconomic Advisers, vista como uma prévia, mostrou na quarta-feira um corte de 693 mil vagas no setor privado norte-americano em dezembro, o que fez alguns analistas projetarem perda de até 700 mil vagas estimadas pelo relatório oficial divulgado hoje. Segundo os dados de hoje, a taxa de desemprego em dezembro nos EUA subiu para 7,2%, a mais alta desde janeiro de 1993. A previsão média de analistas consultados pela Dow Jones era de aumento para 7%.

A economia norte-americana perdeu 2,6 milhões de empregos em 2008, no maior corte de vagas desde 1945. Segundo o Departamento do Trabalho, quase dois milhões de postos de trabalho foram eliminados apenas nos últimos quatro meses do ano, em um sinal de que a recessão se aprofundou conforme a crise financeira se intensificou.

Entre as ações em destaque, a Chevron caía levemente no pré-mercado após a segunda maior produtora de petróleo dos EUA alertar que seu resultado no quarto trimestre ficará significativamente abaixo do esperado por causa da forte queda nos preços de energia e da queda nas margens de refino. O petróleo para fevereiro na Nymex cedia 2,25% para US$ 40,76 o barril. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.