Os principais índices de ações de Nova York seguem em queda, pressionados pelo dados fracos de vendas das varejistas referentes a julho e pelo aumento do número de pedidos de auxílio-desemprego nos EUA na semana passada. O forte prejuízo trimestral divulgado ontem à noite pela AIG, de US$ 5,36 bilhões, derruba as ações da seguradora.

Às 15h55 (de Brasília), o papel despencava 17,22%. Outras ações do setor financeiro seguiam a mesma trilha, com Freddie Mac e Lehman Brothers em baixa de mais de 8% e Fannie Mae recuando 11%. Às 16h10 (de Brasília), o Dow Jones caía 1,41%, enquanto o Nasdaq cedia 0,55%. As informações são da Dow Jones.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.