Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsa de Londres sobe 4,90% com expectativa de pacote

A Bolsa de Londres opera em forte alta nesta manhã, sustentada pela expectativa com o anúncio de um pacote de estímulo fiscal pelo governo britânico nesta segunda-feira, o que favorece especialmente os papéis de empresas de varejo. Entre as medidas que devem ser anunciadas estaria um corte para 15% no imposto sobre o valor agregado (VAT, na sigla em inglês).

Agência Estado |

Mas são as ações das mineradoras que estão liderando a alta do índice FT-100.

As demais bolsas européias operam também com ganhos relevantes e superiores aos registrados pelos índices futuros de Nova York. De modo geral, as ações dos bancos são destaque nas principais praças européias, influenciadas pelo anúncio ontem à noite de um plano de ajuda ao Citigroup pelo governo norte-americano.

Às 9h53 (de Brasília), o índice FT-100, de Londres, operava em alta de 4,90%; o índice Xetra-DAX, da Bolsa de Frankfurt, subia 3,77%; e o índice CAC-40, da Bolsa de Paris, registrava ganho de 4,43%.

O chefe do Tesouro britânico, Alistair Darling, deve anunciar por volta das 13h30 (de Brasília) um pacote de estímulo econômico avaliado em 1% do Produto Interno Bruto (PIB), segundo fontes. O pacote deve incluir uma extensão dos cortes no imposto de renda para famílias de baixa renda, antecipação de bilhões de libras em projetos de gastos, em particular para transporte, e uma redução no imposto sobre valor agregado de 17,5% para 15% para um período de ao menos um ano. O Reino Unido deve também adiar o novo imposto sobre combustível e o aumento planejado nos tributos sobre pequenas e médias empresas.

As ações da Xstrata e da Fresnillo subiram mais de 12% cada. As produtoras de petróleo também eram destaque, com BP, Royal Dutch Shell, ganhando mais de 5% cada. Estrategistas disseram acreditar que as ações das mineradoras devem ter desempenho melhor do que as de companhias de petróleo. As informações são da Dow Jones.

Leia tudo sobre: bolsa de valores

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG