Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Bolsa abre em baixa, com commodities em queda

Enquanto a forte queda dos preços do petróleo no mercado internacional anima a abertura das Bolsas em Nova York e sustenta os ganhos nos mercados europeus, aqui o efeito é inverso por causa da forte concentração das ações da Petrobras na carteira teórica do Ibovespa, pressionando para uma abertura em baixa da Bolsa de Valores de São Paulo. Às 10h10 (de Brasília), o Ibovespa caía 0,83%, a 54.

Agência Estado |

705 pontos. Na mínima, o indicador cedeu 1,17%, a 4.515 pontos. No mesmo horário, o contrato futuro do petróleo tipo WTI com vencimento em outubro despencava 4,24%, US$ 106,50 o barril, na sessão eletrônica da Bolsa Mercantil de Nova York (Nymex, na sigla em inglês).

O petróleo atingiu esta manhã o menor nível em cinco meses, depois que o furacão Gustav chegou à região rica em petróleo do Golfo do México com menos força que o temido. Mais cedo, o WTI chegou à mínima de US$ 105,46 o barril na Nymex eletrônica. Os metais básicos e preciosos seguem na esteira do petróleo, pressionados adicionalmente pela valorização do dólar ante o euro.

Com as matérias-primas (commodities) em baixa, os investidores americanos, que voltaram hoje das férias de verão (no hemisfério norte), se sentem estimulados a comprar ações, especialmente de setores beneficiados pelo petróleo mais barato, como as companhias aéreas. No horário citado acima, as ações ordinárias (ON) e preferenciais (PN) da Petrobras caíam 1,34% e 1,9%, respectivamente; as ações PN classe A (PNA) da Vale recuavam 1,92%, enquanto os papéis PN da Gol disparavam 4,07% e os da TAM ganhavam 3,72%.

Na Bovespa, a expectativa é de que volume financeiro melhore em setembro com o fim das férias de verão nos Estados Unidos, mas o aumento do fluxo vai depender muito do desempenho da economia global e do comportamento das commodities. Se o mercado nos EUA sustentar uma alta firme durante o dia pode ajudar a limitar as perdas na Bovespa.

Leia tudo sobre: home

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG