Tamanho do texto

Tóquio, 23 out (EFE).- O Banco do Japão (BOJ) executou hoje uma nova injeção de capital de 600 bilhões de ienes (US$ 6,157 bilhões) no mercado financeiro, para dar cobertura aos créditos a curto prazo do sistema bancário, informou a agência local Kyodo.

A última injeção de capital do BOJ aconteceu há cinco dias, e a operação de hoje teve como cenário um ambiente de crescente medo de que a Bolsa de Tóquio caia ainda mais.

O índice Nikkei da Bolsa de Tóquio perdeu somente ontem 6,78% de seu valor, em razão dos rumores sobre uma redução do lucro das empresas, que anunciam a partir desta semana seus resultados do terceiro trimestre do ano. Hoje, o pregão caiu 2,46%.

A crise financeira fez com que as pessoas que fazem empréstimos sejam cada vez mais cautelosas no momento de estender um crédito, temerosos de que depois não consigam pagá-lo.

No total, o Banco do Japão injetou no mercado cerca de 36 trilhões de ienes (US$ 360,611 bilhões) desde que o banco de investimento americano Lehman Brothers faliu, no dia 15 de setembro.

EFE cej/mh