SÃO PAULO - A Siderúrgica Barra Mansa, do Grupo Votorantim, obteve junto ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) um financiamento de R$ 539 milhões. Conforme o banco de fomento, o montante será usado para implantar uma segunda unidade no município de Resende (RJ). Os investimentos totais são calculados em R$ 1,2 bilhão.

A nova usina semi-integrada terá capacidade de produção de 1 milhão de toneladas de ações longos por ano e deve gerar 700 empregos diretos. A produção será feita a partir de forno elétrico à base de sucata e ferro gusa, gerando tarugos de lingotamento contínuo, fio máquina e vergalhões para aplicação no setor de construção civil.

A siderúrgica deve alocar ainda R$ 3,6 milhões para capacitar os futuros funcionários da planta. Em parceria com o Senai-RJ, a siderúrgica vai promover cursos nas áreas de soldagem, manutenção, aciaria, laminação, logística, entre outros.

(Valor Online)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.