O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) está estudando um projeto de corredor ferroviário bioceânico, ligando os portos de Santos (SP) ou Paranaguá (PR), no Oceano Atlântico, ao chileno de Antofagasta, no Pacífico, informou o presidente da instituição, Luciano Coutinho. De acordo com ele, houve pedido de uma comissão interministerial para que o banco de desenvolvimento analisasse o projeto.

"Mas ainda é bem inicial", afirmou.

Coutinho tocou no assunto de passagem, enquanto citava projetos de ferrovias que devem receber recursos do BNDES. Diferenciou, porém, o estágio do projeto bioceânico de outros que já estão sendo construídos. Coutinho citou, também de passagem, o trem-bala entre Rio e São Paulo na lista dos projetos que podem receber financiamento. É um projeto também em análise, mas já está bem mais adiantado que o de ligação entre Atlântico e Pacífico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.