Relembre os números do levantamento do site Reclame Aqui e os principais motivos de insatisfação dos consumidores

Faltando menos de um mês para a quinta edição brasileira da Black Friday, marcada para o próximo dia 27, a busca por informações por parte dos consumidores aumenta – principalmente sobre como evitar dores de cabeça na hora da compra.

Uma das maneiras de fazer isso é analisar o retrospecto recente da ainda nova data do e-commerce do varejo nacional. O site Reclame Aqui, que acompanhou em tempo real o evento, divulgou a lista das lojas mais citadas nas cerca de 12 mil reclamações na edição de 2014. 

O destaque negativo no ano passado ficou por conta da B2W, líder em comércio eletrônico na América Latina e que responde por três das cinco redes varejistas de e-commerce entre as cinco primeiras: Americanas.com (1ª), Submarino (2ª) e Shoptime (4ª). Na ocasião, a empresa não quis emitir nenhum comunicado à imprensa.

Relembre a lista:












Motivos

Os principais motivos de queixa dos consumidores foram praticamente os mesmos de 2013: maquiagem de preços, dificuldade no acesso aos sites, mudança no valor de produtos no momento de finalizar a compra e problemas no pagamento, incluindo a rejeição a cupons de desconto e a ausência de opções de pagamento, como boletos bancários.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.